08/05/2014

Bolo Ministro

Bolo Ministro

Ingredientes:

Para a massa:
150 ml de óleo
200 ml de leite
300 g de açúcar
300 g de farinha c/ fermento
60 g de canela
8 ovos
80 g de chocolate em pó
Para a calda:
150 g de açúcar
2 paus de canela
300 ml de água
Para o recheio e cobertura:
1 casca de limão
1 l de leite
1 pau de canela
200 g de açúcar
6 gemas
80 g de farinha Maizena
canela em pó q.b. p/ polvilhar

 

Confeção:

Ligue o forno a 180º C.
Bata bem o açúcar da massa com os ovos, de forma a obter um preparado homogéneo e esbranquiçado.
Junte os restantes ingredientes e envolva-os bem.
Leve ao forno numa forma redonda, untada, cerca de 45 minutos.
Deixe o bolo arrefecer bem, apare-o em toda a volta e corte ao meio, separando as metades com o interior para cima.
Para a calda, leve os ingredientes ao lume e deixe ferver cerca de 3 minutos, até atingir o ponto de espadana (ao mergulhar uma colher e levantá-la, a calda escorre em fitas largas, com o aspeto de lâmina).
Estando o bolo bem frio, pique as 2 metades com um garfo e regue-as com a calda em partes iguais.
Para o recheio e cobertura do bolo, envolva bem todos os ingredientes, à exceção da casca de limão e o pau de canela.
Junte o limão e a canela ao preparado e leve ao lume, a uma temperatura moderada, até fazer estrada (ao passar uma colher, vê-se o fundo do tacho).
Retire a casca de limão e o pau de canela, deite o creme numa travessa larga a arrefecer completamente.
Recheie a base do bolo e cubra com a outra metade.
Estando o bolo montado, cubra toda a superfície com o restante creme e polvilhe generosamente com canela em pó.

Acerca deste bolo…
O nome da receita deriva da ocasião para que foi criado, aquando da visita de um ministro a Mira de Aire, no concelho de Porto de Mós. Sendo um grande acontecimento, a população juntou-se toda e todos contribuíam para o almoço oferecido a tal personalidade. À sobremesa, o Ministro comeu um bolo de chocolate com uma cobertura de leite que muito aclamou. No entanto, como acontece em grandes receitas culinárias, o bolo surgiu de um engano, pois a senhora que o fez enganou-se na receita para  a cobertura quando o estava a fazer.
Não tendo tempo para fazer outro bolo e, porque já se tinha comprometido que levava para a receção ao Ministro um bolo de chocolate, retirou toda a cobertura e improvisou uma nova com o que tinha em casa. Assim, tendo sido criado um novo bolo de chocolate, ao qual não tinha sido atribuído qualquer nome, e que agradou tanto ao Ministro, a receita passou a ser intitulada de Bolo Ministro.



 http://www.docesregionais.com/bolo-ministro/

Sem comentários:

Enviar um comentário

Deixe o seu comentário.


Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...